Cine Brejo – Mulungu, CE – Sítio São Roque – 15 de março de 2019

 

Candeias (CE), 2017,de Reginaldo Farias e Ythallo Rodrigues

Candeias é torrente de luz, um imenso rio iluminado de fé, por sertanejos simples, a desaguar num mar de promessas realizadas e anseios pelo porvir. É o instante em que se entoa forte cada bendito e oração. É estar em Juazeiro do Norte, terra-santa inventada por Padre Cícero, e na qual no caminho, de idas e vindas, nunca ninguém se perdeu.

 

A Câmera de João (GO), 2016, de Tothi Cardoso

Uma faixa de luz passa por uma pequena perfuração e se faz imagem. João descobriu que fotografias são heranças.

 

Historias da unha do dedão do pé do fim do mundo (MG), 2007, de Evandro Salles e Marcia Roth

O vídeo reúne textos de diversos livros do poeta, formando uma narrativa denominada” histórias do dedão do pé do fim do mundo”, o lugar mítico onde a infância do poeta transcorreu e onde sua poesia tem origem. Um transbordar de sabedoria a natureza da arte, da memória e da constituição psíquica humana.

 

Donas do Mundo (CE), 2017, de Bruno Xavier, Roger Pires e Yargo Gurjão e ASA articulação do semiárido.

Este documentário caminha pelos depoimentos de vida de algumas mulheres do Semiárido brasileiro, nos quais elas falam de suas liberdades, de suas experiências e de seus processos de empoderamento. É dedicado a elas, lutadoras históricas, que ano após ano, se desafiam a conquistar novos espaços e serem de fato “Donas do Mundo”